domingo, 22 de janeiro de 2012

Sim, Eu Odeio Vida de Solteiro!


Pronto, falei!!
Sei que tudo na vida tem seus lados bons e ruins, tanto no namoro quanto na solteirisse. Mas devo agora defender minha teoria.
Imagine aquela sua colega de trabalho chata, que está sempre de mal com a vida, numa tpm constante. Todos conhecem uma dessas (ou um desses).
Então, um belo dia, essa sua colega chega no serviço cheia de sorrisos, mega educada, prestativa, cheia de "bons dias"e nada a incomoda.
Primeira coisa que todos comentam: iihh, Fulana está amando!!!
Isso é fato. Por mais que você, querido leitor, seja um solteiro de carteirinha e adore essa condição, deve admitir que quando estamos amando ficamos mais bonitos, mais dispostos, nos estressamos menos. Ficamos suspirando e lembrando o último encontro, contando os minutos para o próximo.
Quando acontece alguma coisa boa, ficamos loucos para ligar e contar a novidade...e quando acontece algo ruim, sabemos que temos aquele abraço nos esperando, aquele colo.
Esses dias fui numa festa e fiquei com uma menina linda, alta, morena de parar o transito.. foi uma noite de sábado incrível!!
Mas e no domingo?
E no próximo sábado provavelmente ela estará ficando com outro cara.
Vida de solteiro tem essa vantagem! Conhecer pessoas diferentes, pegar e não se apegar..Isso é legal, sim. Mas tem prazo de validade.
E naquele domingo chuvoso, você louco pra ver um filme agarradinho, comendo brigadeiro de panela...dai liga praquela gata que você ficou e ela não atende...liga pra outra e está namorando...liga pra outra e está ocupada...liga pra outra que já não mora mais na cidade....e você fica sozinho.
Quando saio na noite, oque mais vejo são pessoas "caçando". Procurando encontrar alguém que preencha esse vazio, essa solidão que os solteiros têm. Por mais que não queiram admitir, todos têm a esperança de encontrar alguém legal, que possa ficar sempre.
Semana passada tive uma crise forte de identidade, quando fiquei muito doente e me vi sozinho. Sim, era só ir ao médico, tomar os medicamentos e pronto. Tão simples. Mas não era esse o remédio que eu precisava.
Queria colo. Queria alguém que me abraçasse e fizesse eu me sentir seguro. E isso, infelizmente, nunca vou encontrar numa festa.
Por esses e tantos outros motivos eu digo e repito...
Eu odeio vida de solteiro!!
Pronto, falei.

3 comentários:

EU SOU NEGUINHA disse...

Sonos intensos demais pra solteirisse..temos muito a dar...
beijos em ti

Vec97 disse...

Esse pensamento é bem comum, agora começa a namorar pra ti ver.. sem demora tu vai tá postando "quero pegar as mina sem conteúdo da noite! pelo amor de deus.."

hahahahaha

Vi Alineri disse...

Achei o seu blog bem por acaso... Mas gostei muito do seu post e achei totalmente verdadeiro! Todo ser humano tem a necessidade de amar e ser amado, mas infelizmente vivemos o "tempo do descartável", onde a grande maioria das pessoas se tratam como se fossem meros copos descartáveis, para serem usados e só... uma pena! Eu tbm detesto a vida de solteira, crises como a sua tenho sempre rs - mas por em quanto é seguir, seguir e acreditar que o melhor ainda está por vir e que esse tempo só, serve como "preparo" para aproveitar de maneira mais completa quando o verdadeiro amor chegar...

Postar um comentário